Sem categoria

Memórias/Memorialistas (LXXI)

Sabemos hoje que a memória é absolutamente não confiável. Embora imaginemos nossas reminiscências como um registro preciso e estável do passado, elas são modificadas ao sabor das emoções toda vez que as acessamos.– Hélio Schwartsman – Fazia meses que o Pedro Nava não nos honrava com seus ensinamentos; isso pode ser qualificado como insanidade da …

Memórias/Memorialistas (LXXI) Leia mais »

Era de uma vez

As palavras chegam como guardas. É por meio delas que ficamos sabendo quando somos bem-vindos, corremos perigo ou somos inscientes. Como ensinou um filósofo, as palavras fazem coisas como juramentos, ofensas e promessas. Com elas travamos uma infinito combate contra a ignorância. – Roberto Damatta – Dias desses me mandaram pelo Whatsapp um filmete, de outubro de …

Era de uma vez Leia mais »

Memórias/Memorialistas (LXIX)

Cultura, arte e justiça nos humanizam. São o contraponto da truculência. – Andrea Pachá – No início deste estagnado ano me despedi do Erico Veríssimo, marcando reencontro para breve com vista a prosseguir nas considerações sobre o relacionamento entre autor literário/personagem. Tenho que, ao fazê-lo, outro vínculo ainda emerge incidentalmente: escritor/público. O gaúcho Prêmio Nobel …

Memórias/Memorialistas (LXIX) Leia mais »